Container

Palácio do Comércio

Endereço: Rua Sete de Setembro, 274/7º andar - Centro - Pelotas - RS

Telefone: (53) 3307-0313 - - Twitter: @pelotas13horas

Programa: Pelotas 13 Horas, onde o debate é livre e a opinião independente

Plataforma Portais Eletrônicos

Identifique-se

Painel de Controle

Mala Direta

Clayton Rocha - Trajetória

    Artigos

    Wolney Castro, 80 anos

    Se o tempo passa e o homem não se dá conta, faz-se necessário saudar, em sinal de reconhecimento, este consagrado narrador, além de líder indiscutível de sua equipe de esportes!

    Publicado 29/05

    O estádio lotado esperava por ele! A sua palavra enfeitiçava o ouvinte de rádio, especialmente na energia contagiante de um BraPel. Ele tinha ritmo de narração, e visão de futebol! Aquele moço da palavra entusiasmada, capaz de colocar alguns temperos extras nas inesquecíveis tardes do Bento Freitas, da Avenida Bento Gonçalves ou do Nicolau Fico, marcou época, ficou na boa lembrança e permanece nas fitas gravadas que ainda são capazes de oferecer sinais vivos de tempos vencidos! Wolney Castro comemora hoje, 28 de maio de 2015, e em estado de graça, os seus 80 anos!

    Trabalhei ao seu lado a partir de 1968, inicialmente como repórter, depois como comentarista. Atuamos juntos em memoráveis transmissões, como a dos concursos Miss Brasil e Miss Universo de 1972. Visitamos juntos todos os estádios do Gauchão durante uma década inteira, a de setenta, época na qual o torcedor tinha a escalação de seu time na ponta da língua.

    De vez em quando eu me vejo em algum lugar do passado, e então volto aos estádios, e ali localizo aquele narrador entusiasmado que acompanhava a bola, que era incapaz de perder um mínimo detalhe que fosse de uma jogada plástica, digna de atletas do porte de Hermínio, Osmar, Walmir, Joaquinzinho, Serafim, Jara, Leal, Wálter, Gióvio, Jocely, Caçapava, Birinha, Edi, Oli, João Borges, Ênio Souza, Toquinho, Pintinho, Caramuru, Osmarino, Cascudo, Noredim, Noel, Gilnei, Celso, Wilson Carvalho, Lelo e Dias.

    Se o tempo passa e o homem não se dá conta, faz-se necessário saudar, em sinal de reconhecimento, este consagrado narrador, além de líder indiscutível de sua equipe de esportes! É o que faço agora, movido pelas energias do afeto e da boa parceria, certamente em nome de todos aqueles que viveram e testemunharam gloriosas conquistas do futebol pelotense na segunda metade do século XX. O Wolney Castro já está registrado - em nossa memória - de microfone em punho, sempre pronto a desfrutar dos benefícios do improviso e da energia na palavra, as suas marcas pessoais, aquele dom que o acompanha desde sempre. Vida que segue! Longa Vida, estimado amigo.

    Leia mais sobre: Artigos, Clayton Rocha

    Fonte: Clayton Rocha

    Compartilhe

    Delicious Digg Google Bookmarks Mixx MySpace Reddit Sphinn StumbleUpon Technorati RSS

    Comentários (2)

    feito em 10/07/2016 22:13:17

    Parabéns Clayton! Perfeita a tua homenagem! Wolnei marcou época no rádio, não só no esporte, mas também com seu (acho que era esse o nome) Show da manhã. O conheci quando andei na RU e Alfa como técnico junto com o grande Virgílio. Abraço para todos.

    feito em 10/07/2016 09:21:39

    Vcs os dois, Clayton e Wolney, foram alguns dos meus ídolos no rádio pelotense, na infância/adolecência. Tornei-me jornalista e radialista, e amigo do Clayton. O Wolney, ainda não tive a honra de conhece-lo pessoalmente, mas pretendo fazer isso em breve. Abraço amigos. Willy Cesar, Rio Grande.

    Deixe um comentário

    ATENÇÃO: O comentário não exige identificação e somente será publicado quando aprovado pelo editor do site.

    Siga esta matéria

    Informe seu nome e e-mail abaixo para o sistema enviar um aviso quando houver atualizações nos comentários desta matéria.

    Topo 980x160

    banner4 160x90

    banner1 160x180

    banner2 160x180

    banner2 160x90

    banner1 160x90

    banner3 160x90