Container

Palácio do Comércio

Endereço: Rua Sete de Setembro, 274/7º andar - Centro - Pelotas - RS

Telefone: (53) 3307-0313 - - Twitter: @pelotas13horas

Programa: Pelotas 13 Horas, onde o debate é livre e a opinião independente

Plataforma Portais Eletrônicos

Identifique-se

Painel de Controle

Mala Direta

Clayton Rocha - Trajetória

    Da redação

    Projeto: Estado deverá adotar mão de obra prisional

    Publicado 06/02

    Premiado nacionalmente, o Projeto Mão de Obra Prisional (MOP) no SUS de Pelotas foi apresentado segunda-feira ao vice-governador do Estado, Ranolfo Vieira Júnior, responsável também pela Secretaria Estadual de Segurança Pública e pela Administração Penitenciária. Idealizada na gestão do ex-prefeito Eduardo Leite, atual governador, a iniciativa já reformou 24 unidades de saúde desde 2015. A intenção é replicar em nível estadual a experiência pelotense, que já envolveu mais de 100 apenados dos regimes semiaberto e aberto. Um projeto base será elaborado por técnicos da prefeitura e repassado para Ranolfo, que pretende criar os critérios para adesão dos municípios.

    A prefeita Paula Mascarenhas destacou a trajetória do MOP, hoje fortalecido pelo Pacto Pelotas pela Paz e ampliado para outras áreas, como serviços urbanos e assistência social.

    “Deixou de ser uma mão de obra barata e passou a ser uma política de segurança pública, com a reinserção dos apenados e a integração com a sociedade”, afirmou Paula.

    Ranolfo destacou que a prevenção está inserida no plano estadual de segurança pública e que o exemplo pelotense pode ser utilizado. “Se não iniciarmos a prevenção, vamos sempre enxugar gelo”, destacou o vice-governador.

    A secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann, que esteve à frente na elaboração do MOP na gestão Eduardo Leite, em Pelotas, disse que o projeto foi além da melhora da estrutura das unidades: “Essa mão de obra passou por qualificação profissional. Eles saem com muita mais chance de serem absorvidos pelo mercado”, destacou.

    A iniciativa com apenados em Pelotas vem sendo ampliada com a elaboração de uma fábrica de peças de concreto no Presídio Regional e o uso de mão de obra para qualificar outros prédios públicos. Recentemente, o prédio da Coordenadoria de Regional de Educação, no Centro de Pelotas, passou por revitalização.

    Ontem, a Prefeitura inaugurou a requalificação da Unidade Básica de Saúde da Balsa, a 24ª reformada pelo MOP.

    Leia mais sobre: Da redação, Geral, Notícias Locais

    Compartilhe

    Delicious Digg Google Bookmarks Mixx MySpace Reddit Sphinn StumbleUpon Technorati RSS

    Deixe um comentário

    ATENÇÃO: O comentário não exige identificação e somente será publicado quando aprovado pelo editor do site.

    Siga esta matéria

    Informe seu nome e e-mail abaixo para o sistema enviar um aviso quando houver atualizações nos comentários desta matéria.

    Topo 980x160

    banner4 160x90

    banner1 160x180

    banner2 160x180

    banner2 160x90

    banner1 160x90

    banner3 160x90