Container

Palácio do Comércio

Endereço: Rua Sete de Setembro, 274/7º andar - Centro - Pelotas - RS

Telefone: (53) 3307-0313 - - Twitter: @pelotas13horas

Programa: Pelotas 13 Horas, onde o debate é livre e a opinião independente

Plataforma Portais Eletrônicos

Identifique-se

Painel de Controle

Mala Direta

Clayton Rocha - Trajetória

    Clayton Rocha

    Pelotas depende de todos nós

    Pelotas precisa de uma política séria para as grandes questões de trânsito. Pelotas não pode "brincar" de construir rótulas e quebra-molas. Muito menos de entregar uma Avenida Fernando Osório "deixando a desejar".

    Publicado 14/10

    Pelotas precisa de um grande Auditório, para duas mil pessoas, (ou até mais), envidraçado, beira São Gonçalo.

    Pelotas precisa de um grande hospital, (550 leitos); de novos hotéis, de um restaurante italiano, de um Sete de Abril deslumbrante. E de bons times jogando o Gauchão 2014.

    Pelotas precisa de mesas e toldos do lado de fora dos seus restaurantes. Pelotas precisa de praças ajardinadas e de chafarizes em pleno funcionamento. Pelotas precisa de árvores, muito verde por toda parte. Pelotas precisa de sinaleiras funcionando a pleno.

    Pelotas precisa de uma política séria para as grandes questões de trânsito. Pelotas não pode "brincar" de construir rótulas e quebra-molas. Muito menos de entregar uma Avenida Fernando Osório "deixando a desejar". Entendo que a desqualificada "Ciclovia da Fernando Osório" é um "deboche" do poder público diante da Comunidade.

    Pelotas precisa de uma Estação Ferroviária capaz de lembrar os velhos tempos.

    Pelotas precisa "dar Vida", custe o que custar, ao seu belíssimo Mercado Público.

    Pelotas precisa acreditar, e apostar, e "esparramar-se" pela Beira São Gonçalo! (Essa decisão, tanto do poder público; quanto dos empreendedores locais, é porta aberta para uma nova e extraordinária época.)

    Pelotas, a " Cidade das Águas", precisa "refletir-se" num espelho d’água qualquer, para que ela mesma se enxergue, e então se motive a "mergulhar de cabeça" na exploração do São Gonçalo, arroio Pelotas, Lagoa dos Patos, etc, etc.

    Pelotas dispensa a Soberba e a Arrogância por parte de muitos de seus homens públicos. A cidade é muito mais nossa do que deles. Pois os homens públicos dependem de nós, de nosso voto, de nossas escolhas.

    Leia mais sobre: Clayton Rocha, Opiniões

    Fonte: Clayton Rocha

    Compartilhe

    Delicious Digg Google Bookmarks Mixx MySpace Reddit Sphinn StumbleUpon Technorati RSS

    Comentários (3)

    feito em 04/11/2013 09:57:30

    Clayton,
    Eu felicito você por esse registro. Você, com isso, livra a cara da imprensa de Pelotas. Eu moro em São Paulo há 50 anos, mas continuo pelotense, para onde eu volto sempre. E quando eu estou em Pelotas e comento com amigos que eu não vejo cobranças públicas na imprensa, de nada - principalmente do local do Carnaval - eles me dizem que a imprensa nunca vai cobrar os governantes porque são comprometidos.
    Você acaba de provar que não é verdade. Eu o felicito por isso!
    De quanta coisa Pelotas precisa!
    Continue cobrando e você verá aumentado o seu respeito pela população, que eu fiquei sabendo que já é grande.
    Eu voltarei em outra hora com você, porque eu tenho muita coisa pra te contar sobre Pelotas.
    À distância se ganha em prespectiva ...

    feito em 27/10/2013 14:10:11

    Clayton, santo desabafo! Oxalá que repercuta! Mas infelizmente, aquele ranço imobilista ainda faz com que nossa aldeia debata-se arrastando este peso enorme, tradicionalista e "familiar" que como dizia um personagem do saudoso Chico Anisio: "....astravanca o pogreço!"
    Abraço, Alexandre Borio

    feito em 23/10/2013 14:09:36

    Texto perfeito. Disse tudo. Nosso trânsito enquanto nossos líderes pensarem que rótula ainda é solução sera sempre isso que estamos vivendo. Se o carro foi popularizado(e que bom que isso aconteceu) precisamos de estrutura para uma boa mobilidade.E não adianta querer mandar que todos andem de Ônibus pois ao fim de semana as pessoas sairão e sera o mesmo engarrafamento.

    Deixe um comentário

    ATENÇÃO: O comentário não exige identificação e somente será publicado quando aprovado pelo editor do site.

    Siga esta matéria

    Informe seu nome e e-mail abaixo para o sistema enviar um aviso quando houver atualizações nos comentários desta matéria.

    Topo 980x160

    banner4 160x90

    banner1 160x180

    banner2 160x180

    banner2 160x90

    banner1 160x90

    banner3 160x90